É possível reduzir a taxa de condomínio?

Veja aqui algumas opções que podem contribuir para a redução da taxa de condomínio, e também da inadimplência.

A crise que sobreveio em nosso país afetou todos os setores da sociedade, inclusive os condomínios, oficialmente é dito que existem 12 milhões de desempregados no Brasil, mas é possível que esse número seja bem maior.

Muitas pessoas estão sem emprego deixam de pagar suas taxas Condominiais, e os condomínios observam esse cenário com apreensão, porque os índices de inadimplência têm aumentado, em tempos difíceis e com pouco dinheiro circulando é preciso prover soluções criativas, e os síndicos têm uma tarefa complicada, por um lado eles precisam manter o condomínio funcionando e por outro lado eles precisam negociar os aumentos dos bens e serviços envolvidos no funcionamento do condomínio.

Muitos moradores reclamam que a taxa do seu condomínio está muito alta, e têm conhecimento que em outros a taxa é menor e não tem tantos aumentos.

A taxa de condomínio é definida através de rateio, ou seja, ela é o resultado da soma dos bens e serviços que cada condomínio tem, por exemplo; existem condomínios que têm muitos funcionários, serviço de concierge, profissionais que ficam à disposição para atender os moradores 24 horas, e outros condomínios que nem porteiros tem, então a taxa de condomínio é o resultado daquilo que o condomínio tem em relação aos custos com manutenção, equipamentos e serviços diversos.

Logo, não existe taxa de condomínio cara nem taxa de condomínio barata, a verdade é que todo condomínio consegue reduzir despesas, basta saber se os moradores estão dispostos a abrir mão de alguns serviços ou bens e por vezes isso vai diminuir a comodidade.

Para a redução da taxa, uma sugestão é olhar para os números e identificar os grupos de despesas que consomem a maior parte do orçamento, o foco precisa ser as maiores despesas. Seguindo essa a linha de raciocínio, identificar os grupos que consomem a maior parte do orçamento e certamente vai ser identificado a maior despesa, na maioria das vezes é a despesa com a folha de pagamento dos funcionários que consome a maior parte das despesas, então, avaliar o quadro de pessoal é uma possibilidade de identificar pontos para a redução.

Talvez no seu condomínio seja possível reduzir o quadro de pessoal, pode ser que lá existem funcionários que estão realizando tarefas que não são essenciais. Em alguns condomínios há a substituição de funções consideradas essenciais por Tecnologias, como é o caso das “portarias remotas”.

Realizar as manutenções preventivas no condomínio e não apenas as corretivas, as manutenções preventivas custam muito menos e tendem a trazer uma tranquilidade para administração do síndico. Existem condomínios que não investem na prevenção e acabam gastando muito mais dinheiro na conta com reparos e manutenções corretivas.

Avaliar a possibilidade da individualização da água e do gás é uma oportunidade de se economizar muito e assim reduzir as taxas do condomínio. Nós sabemos que a parte mais sensível do corpo humano, principalmente do brasileiro, é o bolso. Infelizmente quando a despesa com água e/ou gás está inclusa na previsão orçamentária as pessoas não têm a responsabilidade e a consciência de controlar o consumo, no momento que você retira esse valor da conta do condomínio e passa a responsabilidade do uso para o morador essa história muda.

O Condomínio também pode criar medidas para redução do consumo de energia elétrica nas áreas comuns, a troca de lâmpadas por modelos mais econômicas e instalação de sensores de presença com temporizadores em locais menos frequentados ou instalação de energia solar, no longo prazo, traz benefícios de economia.

Renegociar contratos é uma boa estratégia, em momentos de crise os parceiros prestadores de serviços precisam cooperar com a previsão orçamentária do condomínio, observe os prazos de renovação e toda vez que você for renovar o contrato negocia o preço buscando preços que mais se adequem a realidade do condomínio.

É de extrema importância que o condomínio tenha meios para cobrar os inadimplentes, uma cobrança efetiva faz a diferença em relação a taxa do condomínio, a morosidade em cobrar os inadimplentes faz com que a taxa condominial fique alta, a inadimplência é custo para o condomínio, quanto maior inadimplência maior vai ser a taxa do seu condomínio.

Espero que essas sugestões auxiliem na redução da taxa do seu condomínio.

Publicado por

condominionoplay

https://condominionoplay.com.br | https://www.facebook.com/condominionoplay/ | https://www.instagram.com/condominionoplay/ | https://www.youtube.com/c/CondomínionoPlay

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s